Os Objectivos em Portugal

A COMUNIDADE PORTUGUESA DE EUBIOSE – PRIORADO SINÁRQUICO EUBIÓTICO DA LUSITÂNIA propõe-se a divulgação e aplicação da filosofia eubiótica, tal como a sistematizou o Mestre, mas de acordo com a idiossincrasia dos europeus, numa base de fraternidade e independência com todas as organizações afins, para a consecução do Plano Divino sobre a Terra.
Os Eubiotas trabalham sobre dois níveis distintos, mas complementares, de realização.

O primeiro, projecta-se numa dimensão puramente individual e constitui-se como um triângulo de realização cujos vértices marcam as etapas a percorrer pelo Discípulo no caminho que o conduz à descoberta de si próprio. Essas etapas são: a TRANSFORMAÇÃO, a SUPERAÇÃO e a METÁSTASE. A Transformação é o processo que conduz ao alinhamento da Personalidade, permitindo ao Ego manifestar-se através dela e conferindo, desse modo, um cunho radioso a todas as suas acções. Mas para isso torna-se necessária a Superação dos factores negativos que permita o encontro, a divina Metástase entre o Ser Superior e o Inferior.
O segundo plano de realização implica uma dinâmica caracteristicamente grupal e expressa-se por um outro triângulo cujos vértices são a ESCOLA, o TEATRO e o TEMPLO.
A Escola é o meio onde o Discípulo é introduzido no conhecimento teórico das Verdades básicas da Sabedoria das Idades. A primeira meta a alcançar é o entendimento, tão correcto quanto possível, da verdadeira função e conceito de Personalidade. Alcançado este propósito, o Discípulo compreende que, por detrás de cada Personalidade – de cada “persona” ou máscara, com todas as suas limitações e problemas – existe uma Individualidade, o Ser Real que no Teatro da Vida desempenha o seu divino papel. A realização Templária é o culminar de todo este processo, através do qual os ensinamentos da Escola e as vivências do Teatro são transmutadas em Serviço desinteressado à Humanidade, mediante a utilização de técnicas específicas, tudo isto em consonância com a tónica do Sétimo Raio.

Comments are closed